Press "Enter" to skip to content

São Cipriano – O Resumo

O Livro de São Cipriano é um grimório que contém diversos rituais de ocultismo e exorcismo, supostamente magias e “simpatias” (conjurações populares), com múltiplas finalidades, inclusive para o cotidiano.

Embora o livro se coloque como escrito por São Cipriano, o livro real apareceu séculos após sua morte, contendo até a história de Cipriano com Justina.

A lenda de São Cipriano – O Feiticeiro – confunde-se com um outro célebre Cipriano imortalizado na Igreja Católica, conhecido como Papa Africano.

Apesar do abismo histórico que os afasta, as lendas combinam-se e os Ciprianos, muitas vezes, tornam-se um só na cultura popular.

Há várias orações e rituais de São Cipriano, o mago que vendeu sua alma ao diabo e que acabou se tornando santo, apesar de ter sido um homem do mal.

Veja:  São Cipriano e Emprego

A dualidade deste santo é inegável e só entendendo a sua história para entender o seu dualismo. São Cipriano – Capa Preta – O Bruxo é um livro com uma capa bonita, com a superstição de que se abrir tem que ler até o final, que muitas pessoas acabam tendo contato até por acaso, emprestado de um amigo ou não.

São Cipriano é a lenda do bruxo que não renegou Cristo e que está presente nas livrarias e na literatura. O Livro de São Cipriano mostra quem realmente foi São Cipriano, o feiticeiro que trabalhava para o diabo e morreu cristão, e motivo de curiosidade de muitas pessoas.

O resumo do livro de São Cipriano está representado em um infográfico em que mostramos os fatos do santo e do livro aqui no site.

Veja:  Quem é São Cipriano na Igreja Católica

Você verá resumidamente o que é o livro de São Cipriano, como ele surgiu e como é conhecido no Brasil. Assim como a diferença entre os dois santos Ciprianos.

Aqui nós também temos o resumo da história de São Cipriano, que é celebrado do dia 3 de outubro.

Saraiva
Compartilhe Esta Página: