Press "Enter" to skip to content

Quem Foi São Cipriano?

São Cipriano representa o elo entre Deus e o Diabo, entre o bom e o mau, entre o puro e o pecaminoso. Ele é muito mais que uma personagem da Igreja Católica, é um símbolo da dualidade da fé e do espírito humano.

Cipriano nasceu no ano 250 D.C. na Antioquia (entre Síria e a Arábia) e desde sua adolescência foi encaminhado para os estudos da feitiçaria, alquimia, astrologia, adivinhação e várias modalidades de magia.

Após longas viagens por diversos países aperfeiçoando seus conhecimentos, aos 30 anos Cipriano chega à Babilônia com o objetivo de conhecer a cultura ocultista dos Caldeus.

Foi nessa altura que conheceu a bruxa Évora, com quem teve oportunidade de aprimorar seus estudos e sua premonição.

Veja:  O Que São Cipriano Faz?

Mais tarde Évora acaba por falecer, mas deixa todos seus manuscritos para Cipriano, os quais foram de enorme proveito, já que o Santo e Feiticeiro dedicou-se arduamente e logo se tornou conhecido, respeitado, aclamado e também temido por onde passava.

Quem Foi São Cipriano (de acordo com a Wikipédia)

A lenda de Cipriano, tido como autor do livro, também conhecido como Cipriano de Antioquia, confunde-se com Cipriano de Cartago, santificado pela Igreja Católica.

Apesar do abismo histórico que os afasta, as lendas combinam-se, e os Exorcistas de Cartago e os de Antioquia, muitas vezes, tornam-se um só na cultura popular.

É comum encontrarmos fatos e características pessoais atribuídas equivocadamente. Além dos mesmos nomes, os mártires coexistiram, mas em regiões distintas.

Veja:  O Santo São Cipriano

Cipriano, o feiticeiro, é celebrado no dia 3 de outubro. Foi um homem que dedicou boa parte de sua vida ao estudo das ciências ocultas.

Após deparar-se com a jovem Justina, com quem se casou, converteu-se ao Catolicismo.

Saiba mais sobre quem foi São Cipriano aqui!

Compartilhe Esta Página: